quarta-feira, 30 de maio de 2012

Torta com creme


Há dias em que por muito que se faça, parece-nos que o dia acaba meio enrolado. Ora assim sendo, enrolado por enrolado aqui fica um bolo que também é necessário entortar, só que neste caso o resultado compensa.


Delicodoce


Ela é doce, fofa, leve, apetecível e claro o nome é: Torta com Creme.


Delicodoce

Ingredientes:

Massa
  • 6 Ovos
  • 200 g de açúcar
  • 180 g de farinha com fermento
  • 1 Pitada de baunilha em pó 

Recheio
  • 3 dl de leite
  • 60 g de açúcar
  • 50 g de farinha
  • 1 Ovo
  • 3 Gemas
  • 1 Pitada de baunilha em pó

Ligue o forno a 180º. Unte um tabuleiro (de 30 cm por 40 cm) com margarina e polvilhe com farinha.

A seguir bata bem os ovos com o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Envolva a farinha e a baunilha e bata a massa até ficar bem homogénea. Verta a massa no tabuleiro e leve ao forno durante cerca de 20 minutos. Verifique a cozedura com um palito, retire, deixe arrefecer um pouco e desenforme sobre uma folha de papel vegetal polvilhada com açúcar.

Entretanto prepare o recheio. Leve o leite ao lume até ferver. À parte misture as gemas e o ovo com o açúcar e depois a farinha. Verta lentamente o leite em fio no preparado de modo a não coalhar e leve ao lume brando mexendo sempre até o creme engrossar. Deixe arrefecer.

Por fim barre a torta com o creme e enrole-a com a ajuda do papel vegetal. Retire o papel com cuidado e coloque o restante creme por cima. Decore a seu gosto.


Resta dizer que bolo torto não perde o gosto. Aliás neste caso até ganha  :))

domingo, 27 de maio de 2012

Queques de Banana


Hoje à tarde vieram cá a casa a minha amiga B e o meu amigo L.

O motivo da visita foi instruções e experiências de material fotográfico.

Presenteei os meus amigos com um lanchinho, pois eles gostam, e para além disso nada melhor que uns belos queques de banana, para o seu ensaio fotográfico.

A minha amiga B adorou os queques, as fotografias foram muitas e como sempre, na companhia de B e de L passou-se uma tarde muito agradável.

Aqui fica a receita e parte da sessão fotográfica da B e do L.



(para 12 queques)

Ingredientes:

·         125 g de açúcar
·         125 g de manteiga
·         3 Ovos
·         125 g de farinha
·         1 colher de chá de canela
·         2 Bananas
·         4 Colheres de leite morno
·         Manteiga e farinha para untar as formas

Ligue o forno a 180º. Unte as forminhas de queques com manteiga e polvilhe-as com farinha. Bata a manteiga com o açúcar e adicione os ovos um a um. A seguir junte o leite, a farinha, a canela e envolva tudo batendo muito bem.

Distribua a massa pelas formas, e em cada uma ao de cima coloque rodelas finas de banana. Leve ao forno durante 35 minutos. Verifique a cozedura com um palito, retire e deixe arrefecer.




Estes queques podem ser servidos ainda mornos.


São ótimos acompanhados de um batido fresco de fruta. Neste caso foram acompanhados de batido de maracujá.


Bom apetite!

sexta-feira, 25 de maio de 2012

Bolo de Chocolate Raspado

Fim de tarde de sexta-feira e nada melhor que um bolinho para começar o fim-de-semana.

Aqui fica a receita de um bolo de chocolate não muito doce, rápido e diferente.


Delicodoce

É um bolo de chocolate em tablete raspado. Ótimo para lanche para acompanhar com um batido fresco ou com uma tisana quente.



Ingredientes:
·         4 Ovos
·         1 Tablete de chocolate
·         1,5 dl de óleo
·         1 Iogurte natural
·         250 g de açúcar
·         200 g de farinha com fermento
·         Margarina e farinha para untar a forma
 
 
Comece por barrar com margarina uma forma e polvilhar com farinha. Entretanto ligue o forno a 180º.
De seguida raspe o chocolate com um ralador de cenoura com a parte mais grossa.
Misture os ovos com o açúcar e bata. Junte o iogurte, o óleo, a farinha e bata bem. Por fim, junte o chocolate raspado e misture.
Verta o preparado na forma e leve ao forno cerca de 40 mº. Ao fim desse tempo verifique a cozedura com um palito, retire do forno, desenforme e deixe arrefecer. Decore ao seu gosto e sirva cortado em fatias.


 Bom Apetite!

terça-feira, 22 de maio de 2012

Ervilhas com Ervas Aromáticas e Ovos

As refeições cá por casa no fim-de-semana foram todas um pouco abusivas.

Logo, tinha pensado que a semana seria de cozidos e grelhados.

Porém ainda hoje é 3ª-feira e o que se verifica, é que já andamos muito fora do nosso objetivo.  Isto porque o jantar de hoje foram ervilhas…

Para equilibrar o prato, as ervilhas foram feitas com muito pouco sal e muitas ervas aromáticas. Estavam  ótimas e nós ficámos mais uma vez com a certeza de que as ervas aromáticas substituem muito do sal, que desnecessariamente  ingerimos.

(Dose para 2 pessoas)
Ingredientes:
  • 1 kg de ervilhas descascadas
  • 1 Cebola média
  • 3 Dentes de alho
  • 2 Tomates maduros
  • 1 dl de Azeite
  • 2 Ovos
  • 1 Colher de chá de açúcar
  • 1 Pitada de sal.
  • 100g de Chouriço ou outro fumeiro a gosto
  • 1/2 Caneca de caldo de carne
  • Ervas aromáticas a gosto (cebolinho, salsa, coentros, estragão, segurelha, etc.)

Coloque num tacho a cebola e o alho picados com o azeite e leve ao lume a refogar. Posteriormente corte o tomate aos cubos e o chouriço em pequenas tirinhas e junte ao refogado deixando guisar mais um pouco.
Quando estiver com aspeto de estufado junte o caldo de carne, as ervilhas, o açúcar, as ervas aromáticas e verifique o tempero. Coloque uma pitada de sal se necessário. Deixe guisar tudo em lume brando até as ervilhas estarem tenras. Por fim abra os ovos em cima das ervilhas, tape o tacho e deixe os ovos escalfar por breves minutos.

Sirva de imediato para que os ovos não sequem. Como acompanhamento sirva uma salada a seu gosto.

domingo, 20 de maio de 2012

Bolo na Chávena


Faz hoje um mês que o Delicodoce nasceu, ou seja é um bebé ainda pequenino :)



Não podia deixar de agradecer a todas as pessoas que o visitaram e todas as que se tornaram suas seguidoras.



Obrigada pela forma entusiasmante e carinhosa como acolheram o Delicodoce.


O tempo de dedicação ao blogue é escasso, devido a compromissos profissionais, porém desejo continuar a partilhar informação útil, simples e exequível, de forma a acrescentar sabores, aromas e cor nas rotinas diárias da vida.





Hoje aqui fica uma receita muito simples, para quem tem crianças, ou não…


Caso lhe apeteça um bolinho para acompanhar um sumo ou um chá, faça-o em 5 minutos numa chávena ou caneca.



Ingredientes:


·        1 Ovo
·        4 Colheres de sopa de açúcar
·         3 Colheres sopa de óleo
·         ½ Laranja sumo e raspa
·         5 Colheres de sopa de farinha com fermento
·         Manteiga e farinha q.b.


Cobertura:


·         2 Colheres de açúcar em pó
·         2 Colheres de sumo de laranja


Unte duas chávenas de 2,5 dl com manteiga e polvilhe cm farinha.


Numa tigela pequena junte o ovo com o açúcar e misture bem. Depois adicione o óleo, o sumo e a raspa de laranja e mexa bem. Por fim junte a farinha e envolva. Coloque o preparado nas duas chávenas e leve ao micro-ondas uma chávena de cada vez por 2 minutos na potência máxima. Retire e deixe arrefecer.


Misture o sumo de laranja com o açúcar em pó. Deite por cima de cada bolinho e enfeite a gosto.








Bom Lanche!





sexta-feira, 18 de maio de 2012

Morangos e Joaninhas



Se tivermos alguma criatividade, podemos surpreender quem gostamos com uma receita fácil e quase em cima da hora. Ora vejam, foi o que aconteceu… J
 


     Ingredientes:


v(para 4 pessoas)

v250 g de morangos

v250 g de natas

v3 Iogurtes gregos

v1 Pacote pequeno de bolachas Joaninhas

v4 Colheres de sopa de açúcar em pó

Bata as natas até obter consistência de chantilly, misture o açúcar em pó e reserve.


Arranje e lave os morangos. Depois corte os morangos ao meio e coloque no fundo das taças.


Abra os iogurtes mexa e divida-os, colocando por cima dos morangos. A seguir esmague as bolachas Joaninha e disponha-as por cima do iogurte. Por fim cubra com chantilly e decore a seu gosto.



Reserve no frigorífico até à hora de servir.

quarta-feira, 16 de maio de 2012

Pera-Rocha


Hoje aqui fica um bocadinho de história dum fruto bem português, a “Pera-Rocha”.

Em 1836, através de uma semente ocasional, foi identificada uma Pereira diferente, na propriedade de Pedro António Rocha, situada no concelho de Sintra, cujos frutos eram de uma qualidade invulgar. Essa Pera passou a ter a denominação de “Pera Rocha do Oeste”.

Atualmente, a sua produção, é maioritariamente desenvolvida na região Oeste. É considerada de origem protegida, sendo exportada anualmente largas toneladas para países como o Reino Unido, Brasil, França, Irlanda, Suíça, Polónia e, Países Baixos. No Brasil ela é conhecida como Pera-portuguesa.

Ora para lhe dar a relevância que merecece, aqui fica uma ideia de entre muitas possíveis, mas que desta vez a pera escondida nos surpreende de forma suculenta ao corte da primeira fatia de bolo.




Ingredientes:
  •   200 g de manteiga amolecida
  •   250g de açúcar
  •   250 g de farinha com fermento
  •   1 dl de leite
  •   6 Ovos
  •   Raspa de 1 limão
  •   4 Peras
  •   Manteiga e farinha q.b.
  •   Caramelo q.b.

Bata a manteiga com o açúcar até obter um creme esbranquiçado. Junte os ovos um a um e bata. Adicione a raspa de limão e o leite, e por fim junte a farinha aos poucos e bata a massa até obter um creme fofo.


Unte bem uma forma do tipo bolo inglês com manteiga e polvilhe com farinha. Ligue o forno a 180 º. Lave e descasques as peras. Retire-lhes o caroço com um descascador sem desmanchar. Verta um pouco de massa na forma, depois coloque as peras direitas em cima da massa, regue com um pouco de caramelo liquido e por fim cubra as peras na totalidade com a restante massa. Leve ao forno durante 40m.Verifique com um palito se está cozido, retire do forno, deixe arrefecer e desenforme. Decore a gosto com canela ou açúcar em pó.


Pode fazer o bolo com metade da receita, caso queira um bolo mais pequeno.
 

terça-feira, 15 de maio de 2012

Bola de Atum


Hoje foi um daqueles dias a nível profissional, que com tanto que fazer, tudo aconteceu de forma a nada se conseguir executar…
Cheguei a casa fatigada e desanimada. Fui até à minha cozinha abri a janela, que dá para o jardim e ao som do chilrear das andorinhas num final de tarde, antecipei mentalmente algo que estou a necessitar “Férias” :)

Neste misto fantasiado de sons, sabores e cheiros confecionei uma bola de atum, que fiz acompanhar de uma saborosa e fresca salada.
Resultado: um jantar muito agradável e uma ideia testada para um piquenique ou lanche para o próximo verão.





Ingredientes:

Recheio
*        1 Cebola
*        3 Dentes de alho
*        2 Colheres sopa de azeite
*        2 Tomates
*        ½ Pimento
*        1 Lata de atum
*        1 Colher de sopa de azeitonas picadas
*        1 Colher de sopa de salsa
*        Sal e pimenta q. b.


Massa
*        4 dl de leite
*        200 g de farinha
*        3 Colheres de sopa de queijo ralado
*        3 Ovos
*        Manteiga e farinha, para untar a forma


Primeiro prepare o recheio. Pique a cebola, os alhos e refogue com o azeite. Lave e corte o tomate e o pimento em pequenos pedacinhos e junte ao refogado deixando cozinhar lentamente até ficar quase seco. Depois junte o atum, as azeitonas, a salsa e envolva. Tempere de sal e pimenta e reserve.
Entretanto forre uma forma retangular com manteiga e polvilhe com farinha.

Para a massa misture num liquidificador o leite com a farinha, o queijo ralado, os ovos, e tempere com sal. Verta metade da massa na forma, depois por cima o recheio e por fim o resto da massa. Leve a cozer em forno pré-aquecido a 180o durante 40 m. Desenforme quase morna e sirva.

Bom apetite!

sábado, 12 de maio de 2012

Compota de Morangos e Mirtilos


Hoje fui ao mercado e fui atraída pelo misto da cor vermelha dos morangos com o azul dos mirtilos.

Resultado… A minha mente fez uma combinação de doce de morangos com mirtilos (também conhecidos como blueberry), que na prática resultou muito bem e que pela sua composição ficou um doce atraente e rico em vitaminas e antioxidantes.










Ingredientes:

(Para cada kg de morangos)
*         1 kg de morangos
*         250 g de mirtilos
*         750 g de açúcar
*         Sumo de meio limão

Arranje os morangos e lave-os juntamente com os mirtilos. Coloque os frutos num tacho às camadas com o açúcar. Por cima deite o sumo de limão e deixe macerar durante 1 h. Leve ao lume e assim que levante fervura reduza o lume, de modo a não vir por fora.
De quando, em quando, vá mexendo para não pegar ao fundo do taxo. Quando começar a ganhar espessura verifique se está em ponto de estrada, ou seja coloque um pouco de doce num prato e passe com a colher pelo meio, se abrir uma estrada significa que está no ponto. Assim que esteja pronto, desligue o lume e deixe arrefecer. Coloque em frascos bem enxutos e bem vedados, pois poderá assim conservar este doce por bastante tempo.



quarta-feira, 9 de maio de 2012

Tarte de Maçã com Canela


Gosto de misturar sabores e aromas. É o caso desta tarte, que se adequa a qualquer época do ano e fica bem com todo o tipo de maçã, seja com sabor ácido ou doce, associado ao aroma de canela.

A fim de promovermos o produto nacional, aqui fica a sugestão da maçã de Alcobaça, que sendo certificada tem propriedades excecionais. Cá em casa desde há muito, que é a maçã preferida pela sua textura, sabor e aroma.






Ingredientes:
 Massa
*          1 Colher de fermento (opcional)
*          1 Ovo
*          125 g de farinha
*          75 g de margarina
*          50 g de açúcar
*          Raspa de limão

 Creme
*          75 g de açúcar
*          2,5 dl de leite
*          30 g de farinha
*          1 Casca de limão
*          2 Ovos

Cobertura 
*         2 Maçãs
*         Canela
*         Geleia de maçã (ou outra) q.b.


Comece por preparar a massa da tarte. Numa tigela deite a farinha e faça um buraco no meio. Deite a margarina e o açúcar, e amasse. Junte o ovo e a raspa de limão, amasse muito bem, forme uma bola e reserve.

Entretanto, prepare o creme. Ferva o leite com a casca de limão. Noutro recipiente misture a farinha com açúcar e junte os ovos e mexa bem. Depois a este preparado junte o leite fervido em fio, de forma a não talhar. Leve de novo ao lume até ferver e ganhar consistência de creme, mas cuidado para não pegar ao fundo do tacho. Deixe arrefecer um pouco.

Estenda a massa com o rolo, polvilhado de farinha, numa superfície lisa, também ela polvilhada. Forre a tarteira com a massa e em seguida deite o creme morno.

Parta a maçã às fatias finas e cubra todo o creme com cuidado, em camadas regulares. Leve a cozer em forno a 160º (aproximadamente 30 a 40 minutos).

Depois de cozida, retire a tarte do forno e pincele levemente com geleia de maçã, ou outra, e deixe arrefecer. Polvilhe com canela, pois resulta muito bem.

Bom Apetite!